Usamos cookies de navegação neste site para garantir uma experiência mais personalizada e responsiva a você. Ao fazer uso, você também concorda com nossa Política de Privacidade de Dados. Saiba mais como cookies são utilizados ou como bloqueá-los ou deletá-los.

Brasil
Agricultura

Plantação de soja: manejo eficiente da lavoura

Plantas daninhas e doenças como a ferrugem asiática e a antracnose comprometem o cultivo da soja. Confira as soluções integradas da BASF.

Saiba como a BASF pode auxiliar no manejo eficiente da soja

A ferrugem asiática é uma das doenças da soja mais agressivas e pode aparecer em qualquer fase de desenvolvimento da planta. Os primeiros sintomas são pequenas lesões cinza na parte inferior das folhas que podem avançar e comprometer toda uma safra. Assim, para um controle efetivo é fundamental o monitoramento da lavoura e a aplicação de fungicidas no momento adequado.

Confira nossas dicas para melhorar a produtividade e para o manejo eficiente da ferrugem asiática

Além de doenças como antracnose, mancha-alvo e oídio; pragas como lagartas e percevejos estão entre as grandes preocupações dos produtores de soja. A partir de determinado nível de infestação da praga, o rendimento e a qualidade dos grãos e sementes são comprometidos, resultando em danos irreversíveis para a lavoura. Conheça o tratamento de sementes, herbicidas e inseticidas para soja da BASF.

 

Confira abaixo os Ganhadores BASF do Desafio de Máxima Produtividade de Soja do CESB - Safra 2019/2020.

E-books Boas Práticas Agrícolas de Soja

Confira o e-book e esteja por dentro das melhores práticas agrícolas para perparo e aplicação de produtos para a cultura da soja.

Baixar

BASF-TOP-SOJA-Teaser .jpg

BASF Agro | Desafio de Produtividade TOP SOJA

Há anos marcando a história do Agro, o Desafio de Produtividade TOP SOJA da BASF, auditado pelo CESB, foca nos apaixonados pela cultura da soja e é movido por altas produtividades.

Leia mais

O grande objetivo da BASF é ser a melhor parceira do agricultor. Isso significa oferecer as soluções ideais e inovadoras para um legado produtivo e perene.

É o que temos feito há 9 anos, participando ativamente do Desafio Nacional Produtividade de Soja do CESB, trabalhando lado a lado dos agricultores na conquista de excelentes resultados de produtividade.
Confira quais foram os campeões que, em parceria com a BASF, conseguiram a máxima produtividade em suas lavouras de soja na safra 2019/2020.

Case CESB - Campeão Nacional e Sul

Case CESB - Campeão Sudeste

Case CESB - Campeão Centro-Oeste

Case CESB - Campeão Norte e Nordeste

Conheça também alguns dos ganhadores de safras anteriores que também utilizaram soluções BASF para o manejo eficiente das lavouras de soja.

BR-ganhador-cesb-06.jpg
SAFRA 2015-2016

CAMPEÃO NACIONAL E SUDESTE
JOÃO CARLOS DA CRUZ
120 sc/ha

“A BASF foi de grande importância para chegarmos a esse objetivo. Nos apoiou e orientou do começo ao fim e os produtos foram extremamente eficientes para alcançarmos a sanidade na lavoura. Para a próxima safra, já adquirimos as soluções BASF para soja e queremos repetir o bom resultado de produtividade”.

Confira mais informações:

10 dicas para o manejo eficiente da ferrugem asiática:

A ferrugem asiática, ou ferrugem da soja, é uma doença agressiva e de difícil controle que traz muitos transtornos aos agricultores que produzem soja. Pesquisas indicam que ao longo dos anos o fungo causador dessa doença vem se tornando resistente, trazendo perda de performance de alguns defensivos agrícolas.

Pensando em assegurar o sucesso no controle da ferrugem asiática e garantir a produtividade, muitos agricultores têm usado diferentes ferramentas de manejo. Apostar no defensivo agrícola correto é o primeiro passo para um manejo seguro. No entanto, além da escolha do produto, é preciso que o agricultor adote alguns hábitos em sua lavoura, confira:

BR-manejo-eficiente-soja-01.png

Respeite o “vazio sanitário”

BR-manejo-eficiente-soja-06.png

Rotacione os fungicidas com diferentes modos de ação

BR-manejo-eficiente-soja-02.png

Utilize tecnologias de aplicação eficientes

BR-manejo-eficiente-soja-07.png

Faça no máximo duas aplicações de carboxamida

BR-manejo-eficiente-soja-03.png

Priorize variedades com ciclo mais precoce e com maior tolerância genética

BR-manejo-eficiente-soja-08.png

Associe multissítios aos fungicidas

 

BR-manejo-eficiente-soja-04.png

Faça aplicações preventivas

BR-manejo-eficiente-soja-09.png

Não plante soja “safrinha”

 

BR-manejo-eficiente-soja-05.png

Respeite o intervalo entre as aplicações e doses recomendadas

BR-manejo-eficiente-soja-10.png

Faça a rotação de culturas

Com amplo portfólio de produtos para proteção do cultivo da soja, a BASF se orgulha por ter construído junto ao agricultor brasileiro um sólido e sincero trabalho no combate à ferrugem asiática desde o seu surgimento no Brasil. Desde o início, recomendando a realização de aplicações preventivas e o uso de produtos com diferentes mecanismos de ação.

Conheça 7 dicas para aumentar a sua produtividade na cultura da soja:

BR-produtividade-cultura-da-soja-1.jpg

1. Escolha sementes de procedência e certificadas

Para ter uma lavoura de soja rentável o agricultor deve levar em consideração a escolha de semente certificada e de qualidade. Esse insumo é essencial no alcance de bons resultados de produtividade.

BR-produtividade-cultura-da-soja-2.png

2. Faça o plantio considerando o clima e ciclo da soja

É importante que o produtor faça a semeadura sempre que o clima estiver favorável e respeitando o ciclo da variedade de soja escolhida. Essa prática contribui para o desenvolvimento uniforme das plantas, minimiza a incidência de doenças e o risco de replantios.

526374821

3. Garanta a qualidade das aplicações na lavoura de soja

Utilize equipamentos conservados, com pontas em bom estado; use a dosagem correta, com taxa de aplicação adequada ao estágio da lavoura de soja e sempre respeite o intervalo adequado entre as aplicações. Esteja atento às condições climáticas no momento do manejo químico e garanta a capacitação dos operadores de máquinas pulverizadoras.

BR-produtividade-cultura-da-soja-4.jpg

4. Respeite a bula do produto

Siga as orientações da bula sobre a dosagem, taxa e intervalo de aplicação. Além de levar em consideração a temperatura no momento de iniciar o controle químico. A presença ou ausência do patógeno e as condições climáticas favoráveis são fundamentais para o manejo de resistência na cultura da soja.

BR-produtividade-cultura-da-soja-5.JPG

5. Use inseticidas com diferentes modos de ação

Para se obter sucesso no manejo da resistência das doenças da soja, uma importante estratégia a ser implementada é o uso de misturas prontas de fungicidas com diferentes mecanismos de ação, rotacionar o uso dos diferentes fungicidas disponíveis no mercado como Triazois, Estrobilurinas, Carboxamidas, Morfolinas e Multissitios, além da associação dos produtos registrados aos fungicidas multissitios, sempre respeitando as recomendações de uso de cada produto e o intervalo entre aplicações.

BR-produtividade-cultura-da-soja-6.jpg

6. Entenda a dinâmica das doenças, pragas e plantas daninhas

Consulte sempre um profissional habilitado para extrair o melhor resultado de cada ferramenta a ser utilizada na cultura da soja.

BR-produtividade-cultura-da-soja-7.png

7. Monitore

É preciso adotar uma estratégia de monitoramento constante das lavouras de soja para que a tomada de decisão do agricultor seja cada vez mais assertiva.

Com altas produtividades e excelente controle da ferrugem da soja, os agricultores que escolhem Orkestra® SC e Ativum® saem na frente.
Confira os excelentes resultados dos produtos nos Ensaios Cooperativos de Rede:

BR-resultados-ensaios-cooperativos-ferrugem.PNG
BR-resultados-ensaios-cooperativos-ferrugem-asiatica.PNG

A maior produtividade é consequência do melhor controle de mofo-branco. Confira o excelente resultado de Spot® SC nos Ensaios Cooperativos de Rede:

BR-resultados-ensaios-cooperativos-mofo-branco-2.PNG
Thumb-Momento-BASF-Soja .jpg

Momento BASF: A importância da dessecação pré-colheita da Soja

Confira a opinião de especialistas sobre como realizar um Manejo Eficiente:

 basf-selo-croplife

Uso exclusivamente agrícola. Aplique somente as doses recomendadas. Descarte corretamente as embalagens e restos de produtos. Incluir outros métodos de controle do programa do Manejo Integrado de Pragas (MIP) quando disponíveis e apropriados. Restrições temporárias no estado do Paraná: Standak® Top para os alvos Colletotrichum gossypii, Fusarium oxysporum f.sp. vasinfectum e Lasiodiplodia theobromae em Algodão, Pythium spp. em Milho, Alternaria alternata, Aspergillus spp., Colletotrichum graminicola, Fusarium moniliforme, Penicillium spp., Phoma spp. e Pythium spp. em Sorgo e Pythium spp. em Trigo; Amplexus™ para os alvos Ageratum conyzoides, Amaranthus deflexus, Commelina benghalensis, Digitaria horizontalis, Echinochloa crusgalli, Ipomoea grandifolia, Nicandra physaloides e Richardia brasiliensis para a soja OGM BPS-CV-127-9; Aumenax® para o alvo Microsphaera diffusa. Verismo® para Helicoverpa armigera na soja. Registro MAPA: Standak® Top nº 01209; Ativum® nº 11216; Orkestra® SC nº 08813; Spot® SC nº 0516; Status® nº 6210; Versatilis® nº 001188593; Atectra® nº 4916; Amplexus™ nº 008298; Finale® nº 000691; Heat® nº 01013; Poquer® nº 8510; Fastac® Duo nº 10913; Nomolt® 150 nº 001393; Pirate® nº 05898; Aumenax® nº 07720 e Verismo® n 18817.

 

Conheça nossas soluções