Brasil
Agricultura

Eficiência de uso de radiação solar e produtividade potencial de milho, soja e cana de açúcar

O que é produtividade potencial? Qual a produtividade potencial de milho, soja e cana de açúcar? Leia para entender mais sobre o assunto.

Prof. Neto - ESALQ-USP

Produtividade potencial se refere à máxima produção por unidade de área que se pode ter em função do melhor desempenho de um dado genótipo (espécie e cultivar) num dado ambiente de produção dependente, única e exclusivamente, dos seguintes atributos: radiação solar fotossinteticamente ativa, temperatura, pressão parcial de dióxido de carbono e fotoperíodo (dependente da latitude e da época do ano).

De maneira geral, denominamos de radiação global incidente a radiação que atinge o dossel das plantas, a qual é cerca de 50% da radiação extraterrestre (A) que atinge o topo da atmosfera.

Da radiação global (B), cerca de 55% se refere à radiação não fotossinteticamente ativa (ultravioleta e infravermelho, principalmente) e 45% à radiação fotossinteticamente ativa (radiação com comprimento de onda na faixa do visível, entre 400 nm e 700 nm).

Do percentual (45% da radiação global incidente) da radiação fotossinteticamente ativa (C), cerca de 7% se refere ao albedo e 38% é absorvido pelas folhas das plantas.

Do percentual (38%) absorvido pelas folhas das plantas (D), cerca de 3% se refere à absorção inativa e 35% é absorvido por pigmentos fotossintéticos.

Do percentual (35%) absorvido pelos pigmentos fotossintéticos (E), 31% é perdido na forma de calor, principalmente, e por fluorescência, e 4% é assimilado na fotossíntese.

Do percentual (4%) assimilado na fotossíntese (F), cerca de 1% se refere à respiração de manutenção e 3% está disponível para o crescimento.

Do percentual (3%) disponível ao crescimento, cerca de 0,8% se refere à respiração de crescimento e 2,2% se refere à nova energia incorporada à fitomassa seca produzida (G) numa condição ideal.

Com base na nova energia incorporada à fitomassa seca, em função da partição de carbono, da composição da matéria, da eficiência de conversão de carboidrato em matéria seca, do índice de colheita, do teor de água na parte exportável e da duração do ciclo, principalmente, estima-se a produtividade potencial.

Sendo assim, em ambientes supostamente ótimos (condição ideal), estima-se que a ordem de grandeza da produtividade potencial da cultura de milho, soja e cana de açúcar (três principais culturas brasileiras) é de 20.000 kg/ha (11% de água), 60.000 kg/ha (12% de água) e 450.000 kg/ha (70% de água), respectivamente.

 

Quer receber outros conteúdos, estudos exclusivos, ebooks e convites para eventos?

Leia mais:

Conheça as soluções da BASF para este cultivo:

Milho

Pragas, plantas daninhas e doenças como a ferrugem tropical prejudicam o cultivo de milho. Confira as soluções integradas e sustentáveis da BASF!

Abacus® HC Fungicida

Tenha uma lavoura livre de doenças e mais produtiva com o Abacus® HC. O fungicida é altamente eficiente no controle das ferrugens e manchas nas lavouras de milho, bem como de outros importantes cultivos.

Lista de Distribuidores

Confira os distribuidores da sua região.