Choose a location

    Amplo®: herbicida para feijão e outros cultivos

    Amplo®: herbicida para feijão e outros cultivos

      Tenha uma lavoura de feijão mais produtiva. O herbicida Amplo® é eficiente no controle das principais plantas daninhas de folhas largas como corda-de-viola, leiteiro e caruru.

      A incidência de plantas daninhas no cultivo do feijão interfere diretamente na produtividade e qualidade do grão. Isso porque as infestantes que crescem nas lavouras tendem a competir por nutrientes, água e luminosidade com as plantas semeadas.

      Nesse contexto, a BASF desenvolveu uma solução eficiente para o combate de importantes plantas daninhas de folhas largas que causam efeitos negativos nas lavouras de feijão. Amplo®, é um herbicida seletivo com duplo mecanismo de ação, recomendado para o controle em pós-emergência de plantas daninhas de folhas largas.

      Amplo® também é recomendado para o manejo das infestantes nos cultivos do amendoim e arroz Clearfield®, em sequeiro e irrigado.

    Download

    Faça o download da bula, ficha de segurança e ficha de informação de segurança do produto para mais informações.

    Amplo®
    Benefícios
    Controle eficiente das principais plantas daninhas de folhas largas.
    Duplo mecanismo de ação.
    Indicado para o controle pós-emergência.
    Seletivo para os cultivos indicados.

      Veja como melhorar a produtividade do seu cultivo com o Amplo®:

      Para mais informações, faça o download da bula aqui.

    Cultivo de feijão

      • cultivo do feijão

        Para potencializar o manejo de infestantes como buva, corda-de-viola e caruru, é recomendado uma única aplicação pós-emergência precoce das plantas daninhas, as quais devem ter no máximo de 2 a 4 folhas. Isso ocorre em média de 5 a 20 dias após a semeadura, no período em que o cultivo do feijão deverá estar no estágio do 1º até o 3º trifólio. A ocorrência de chuva após duas horas da aplicação não interfere na performance do produto.

        Tabela de dosagem

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Amendoim-bravo ou Leiteiro (Euphorbia heterophylla), Apaga-fogo (Alternanthera tenella), Beldroega (Portulaca oleracea), Buva (Erigeron bonariensis), Carrapicho-de-carneiro (Acanthospermum hispidum), Carrapichão (Xanthium cavanilesii), Caruru (Amaranthus hybridus), Corda-de-viola (Ipomoea aristolochiaefolia), Guanxuma (Sida rhombifolia), Joá-de-capote (Nicandra physaloides), Maria-pretinha (Solanum nigrum), Nabiça ou Nabo (Raphanus raphanistrum), Picão-branco (Galinsoga parviflora), Picão-preto (Bidens pilosa), Trapoeraba (Commelina benghalensis)

        Dose**
        L p.c./ha

        1,0

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        200 - 300

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        p.c. = produto comercial (1 litro de Amplo® equivale a 600 g i.a. de Bentazona + 28 g i.a. deImazamoxi);
        i.a. = ingrediente ativo;
        * Adicionar adjuvante não iônico a 0,5% v/v na calda de aplicação;
        ** Utilizar as maiores doses em áreas de alta incidência das plantas daninhas e/ou para se conseguirum maior período de controle.

    Cultivo de amendoim

      • cultivo do amendoim

        Para o controle de plantas daninhas como trapoeraba e corda-de-viola, a aplicação deve ser única na pós-emergência precoce das infestantes que precisam ter de no máximo 2 a 4 folhas. Isso ocorre em média de 5 a 20 dias após a semeadura, no período em que o cultivo do amendoim deverá estar no estágio do 1º até o 3º trifólio. A ocorrência de chuva após duas horas da aplicação não interfere na performance do produto.

        Tabela de dosagem

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Corda-de-viola (Ipomoea hederifolia)

        Dose**
        L p.c./ha

        1,0 - 1,50

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        150 - 200

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Corda-de-viola (Ipomoea nil), Corda-de-viola (Merremia aegyptia)

        Dose**
        L p.c./ha

        1,0 - 1,50

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        150

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Anileira (Indigofera hirsuta), Corda-de-viola (Ipomoea grandifolia), Guanxuma-branca (Sida glaziovii)

        Dose**
        L p.c./ha

        0,75 - 1,50

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        150

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Caruru (Amaranthus retroflexus), Amendoim-bravo (Euphorbia heterophylla), Losna-branca (Parthenium hysterophorus)

        Dose**
        L p.c./ha

        0,75 - 1,50

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        200

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Carrapicho-de-carneiro (Acanthospermum hispidum), Apaga-fogo (Alternanthera tenella), Caruru-de-mancha (Amaranthus viridis), Picão-preto (Bidens pilosa) , Trapoeraba (Commelina benghalensis), Falsa-serralha (Emilia sonchifolia), Fazendeiro (Galinsoga parviflora), Joá-de-capote (Nicandra physaloides), Beldroega (Portulaca oleracea), Nabiça (Raphanus raphanistrum), Guanxuma (Sida rhombifolia), Maria-pretinha (Solanum americanum)

        Dose**
        L p.c./ha

        0,75 - 1,50

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        150 - 200

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        p.c. = produto comercial (1 litro de Amplo® equivale a 600 g i.a. de Bentazona + 28 g i.a. deImazamoxi);
        i.a. = ingrediente ativo;
        * Adicionar adjuvante não iônico a 0,5% v/v na calda de aplicação;
        ** Utilizar as maiores doses em áreas de alta incidência das plantas daninhas e/ou para se conseguirum maior período de controle.

    Cultivo de arroz

      • cultivo do arroz

        Para o controle de plantas daninhas no arroz Clearfield®, cultivado nos sistemas de sequeiro e irrigado, faça uma única aplicação do herbicida Amplo® na pós-emergência precoce das plantas daninhas, as quais devem ter no máximo de 2 a 4 folhas, o que ocorre em média de 5 a 20 dias após a semeadura, no período em que o cultivo de arroz deverá estar no estágio do 1º até o 3º perfilho. A ocorrência de chuva após duas horas da aplicação não interfere na performance do produto.

        Tabela de dosagem

        Arroz

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Carrapicho-rasteiro (Acanthospermum australe), Apaga-fogo (Alternanthera tenella), Caruru (Amaranthus retroflexus), Picão-preto (Bidens pilosa), Trapoeraba (Commelina benghalensis), Falsa-serralha (Emilia sonchifolia), Amendoim-bravo (Euphorbia heterophylla), Corda-de-viola (Ipomoea grandifolia), Joá-de-capote (Nicandra physaloides), Beldroega (Portulaca oleracea), Guanxuma (Sida rhombifolia), Maria-pretinha (Solanum americanum)

        Dose**
        L p.c./ha

        1,0 - 2,0

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        120 - 200

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        Arroz

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Carrapicho-de-carneiro (Acanthospermum hispidum), Caruru (Amaranthus viridis), Tiririca (Cyperus rotundus), Fazendeiro (Galinsoga parviflora), Nabiça (Raphanus raphanistrum)

        Dose**
        L p.c./ha

        1,0 - 2,0

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        200

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        Arroz

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Mentrasto (Ageratum conyzoides), Anileira (Indigofera hirsuta)

        Dose**
        L p.c./ha

        1,0 - 2,0

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        120

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        Arroz irrigado

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Angiquinho(Aeschynomene rudis)

        Dose**
        L p.c./ha

        1,0 - 2,0

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        150 - 200

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        Arroz irrigado

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Angiquinho(Aeschynomene rudis)

        Dose**
        L p.c./ha

        1,0 - 2,0

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        200

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        Arroz irrigado

        Alvo biológico
        Nome Comum / Nome Científico

        Angiquinho(Aeschynomene rudis)

        Dose**
        L p.c./ha

        1,0 - 2,0

        VOLUMe DE CALDA
        (l/ha)
        150

        NÚMERO MÁXIMO DE APLICAÇÕES
        1

        p.c. = produto comercial (1 litro de Amplo® equivale a 600 g i.a. de Bentazona + 28 g i.a. deImazamoxi);
        i.a. = ingrediente ativo;
        * Adicionar adjuvante não iônico a 0,5% v/v na calda de aplicação;
        ** Utilizar as maiores doses em áreas de alta incidência das plantas daninhas e/ou para se conseguirum maior período de controle.

      Composição

      INGREDIENTES ATIVOS
      Bentazona + Imazamoxi

      GRUPOS QUÍMICOS
      Benzotiadiazinona + Imidazolinona

      Concentração
      600 g/L + 28 g/L

      Formulação
      SL (Concentrado Solúvel)

      Embalagem

      10 x 1 L
      4 x 5 L

      Aplique somente as doses recomendadas. Descarte corretamente as embalagens e restos de produtos. Incluir outros métodos de controle dentro do programa do Manejo Integrado de Pragas (MIP) quando disponíveis e apropriados. Uso exclusivamente agrícola. Registro MAPA: Amplo® nº 0508.

    TOP
    PROD-AEM