Brasil
Agricultura

Irrigação na plantação de café: entenda os benefícios dessa prática

O café é uma das culturas que mais necessita de água para se desenvolver e alcançar uma boa produtividade. Por isso, suas plantas, em especial as mudas recém-plantadas, exigem grandes quantidades de água para crescerem saudáveis e sem a presença de doenças ou pragas. 

Isso acontece porque, além da necessidade fisiológica do café, a falta de água nos cafezais é um grande atrativo para insetos, parasitas e patógenos, o que pode resultar em quedas de produtividade e rentabilidade. 

Portanto, cultivar cafeeiros no sequeiro, dependendo exclusivamente do regime de chuvas, pode acabar sendo um grande risco para a plantação. Se elas não vierem, pode haver uma sucessão de problemas decorrentes do déficit hídrico. 

Benefícios da irrigação no café

Sendo assim, investir em sistemas de irrigação é uma boa recomendação aos produtores de café. Com bom planejamento e método definido, é possível melhorar a rentabilidade da lavoura, já que eles propiciam a aplicação da quantidade adequada de água para a planta, independente do local ou período em que se encontram.  


Além de garantir o fornecimento de água às plantas sempre que necessário, um sistema de irrigação permite, também, a entrega de nutrientes e produtos químicos pelo próprio sistema de irrigação. Com isso, ganha-se praticidade e otimiza-se o tempo. 

 

Um sistema de irrigação contribui ainda para: 

 

  • Aumento da capacidade de fotossíntese: a água é fundamental no processo de fotossíntese das plantas. Ela é responsável pelo fornecimento de elétrons e pela produção de oxigênio para a atmosfera. 

 

  • Ampliação da área de cultivo: com um sistema de irrigação, é possível produzir também em áreas que seriam inviáveis ou pouco produtivas para a cultura. Cafezais irrigados tornaram realidade, por exemplo, a cafeicultura no Cerrado brasileiro, hoje reconhecido pela qualidade dos grãos. 

 

  • Fertirrigação: dependendo do sistema adotado, o produtor pode, juntamente com a distribuição de água, aplicar fertilizantes, nutrientes e inseticidas. Com a fertirrigação, pode haver uma melhora na qualidade do grão e um aumento da produção. 

 

  • Sustentabilidade: para além dos benefícios ao fruto, a implementação de um sistema de irrigação de água nos cafezais, assim como em qualquer outra cultura, propicia o uso consciente da água e, como consequência, a conservação do ambiente. 

Leia mais:

Conheça as soluções da BASF para este cultivo: