Choose a location

    Controle de pragas formigas


    Formigas

      As formigas podem transmitir diversas doenças, isso porque elas circulam por áreas insalubres, carregando em seu corpo bactérias, fungos e vírus nocivos à saúde pública. Esse pequenos insetos também provocam prejuízos econômicos.

      No Brasil, existem aproximadamente 2 mil espécies de formigas. Estima-se que desse total, entre 20 e 30 variedades vivem muito próximas aos seres humanos. As formigas são insetos sociais e se agrupam em colônias de médio e grande porte.

      As formigas cortadeiras são encontradas exclusivamente em regiões tropicais e subtropicais das Américas. Elas se dividem em dois gêneros: formigas saúvas (Atta) e quenquéns (Acromyrmex). Ambas podem causar danos em diversos cultivos, desde a produção de grãos, florestas plantadas, e também em jardins.

      Outra espécie é a formiga doceira (Monomorium florícola). Originária da Ásia, é bastante frequente em residências e indústrias da região sudeste do Brasil. Essas formigas causam prejuízos econômicos, já que contaminam embalagens de alimentos e podem, inclusive, danificar aparelhos eletrônicos.

      Já a formiga-faraó (Monomorium pharaonis) é a responsável pelas infestações em hospitais, representando um risco real para a saúde pública. Essa pequena praga urbana tem coloração amarela ou marrom claro e é uma das espécies mais difíceis de ser controlada. Nas residências a formiga-faraó também contamina embalagens, produtos, além de danificar aparelhos eletrônicos.

      Para um controle definitivo e eficiente recomendamos que você procure um profissional capacitado. Só assim será possível eliminar as colônias das formigas e evitar a reinfestações.

    TOP
    PROD-AEM