Choose a location

    Pix® HC: regulador de crescimento para algodão
    Proteção de Cultivos e Sementes Pix® HC Regulador de Crescimento

    Pix® HC: regulador de crescimento para algodão

      Facilite o manejo na cultura do algodão. Com o regulador de crescimento Pix® HC você tem um melhor gerenciamento da sua lavoura, contribuindo para maior produtividade e qualidade das fibras.

      A utilização de reguladores de crescimento nas lavouras de algodão é considerada uma excelente estratégia para garantir plantas com altura e arquitetura corretas. Isso facilita o manejo na lavoura, no controle fitossanitário, e, destacando o momento da colheita, quando as plantas precisam se adequar ao processo mecanizado.

      Atenta a isso, a BASF desenvolveu o Pix® HC, pertencente ao grupo dos bio-reguladores, para a cultura de algodão. O produto é absorvido pelas folhas, atuando de forma sistêmica em toda a planta.

      Além disso, o regulador de crescimento confere efeitos fisiológicos positivos para o algodão. A planta, por exemplo, poderá apresentar uma melhor retenção dos botões florais e maçãs, resultando em um melhor gerenciamento do ciclo, antecipando maturação.

      O Pix® HC proporciona à planta uma arquitetura adequada, permitindo, também, uma melhor aeração e penetração dos inseticidas, acaricidas e fungicidas, resultando num melhor controle de pragas e doenças nas lavouras de algodão.  

    Informações Técnicas

    Faça o download da bula, ficha de segurança e ficha de informação de segurança do produto para mais informações.

    Pix® HC
    Benefícios
    Contribui para a uniformidade da lavoura.
    Facilita o manejo da lavoura.
    Possui rápida absorção.
    Contribui para uma melhor quantidade e qualidade do algodão.

      Veja como melhorar a produtividade do seu cultivo com o Pix® HC:

      Para mais informações sobre a bula, clique aqui.

    Cultivo de algodão

      • cultivo do algodão

        Utilize o regulador de crescimento Pix® HC no algodão em aplicação única ou sequencial.

        a) Aplicação única:
        Quando houver uma forte tendência a um desenvolvimento vegetativo exagerado, pode-se fazer uma aplicação única de 0,2 L/ha, quando as plantas apresentarem de 8 a 10 flores abertas por metro linear ou quando as plantas atingirem 60 cm de altura.

        b) Aplicação sequencial:
        Quando houver um início de desenvolvimento vegetativo exagerado do algodão, e objetivando um monitoramento do desenvolvimento vegetativo e reprodutivo da cultura, sugere-se a aplicação sequencial. Se após as aplicações o desenvolvimento vegetativo estiver controlado e fatores climáticos desacelerarem naturalmente o desenvolvimento da planta, recomenda-se suspender os tratamentos subsequentes.

        As aplicações múltiplas devem ser utilizadas dentro de um programa planejado com um total acompanhamento do desenvolvimento da planta de algodão.

        A primeira aplicação é recomendada quando 50% das plantas apresentarem o primeiro botão em desenvolvimento (3 a 6 mm), desde que a planta apresente condições normais de crescimento.

        As aplicações subsequentes devem ser realizadas cerca de 7 a 14 dias após a aplicação anterior, quando houver retomada de crescimento da planta.

        Tabela de dosagem

        Tipo de recomendação
        Aplicação única

        nº de aplicações
        1

        dose*
        (L P.C/HA)

        0,2

        VOLUME DE CALDA (L/HA)
        200-300

        Recomendação
        Para o controle do desenvolvimento vegetativo e maior retenção dos botões florais e de maçãs.

        Tipo de recomendação
        Aplicação sequencial

        nº de aplicações
        2

        dose*
        (L P.C/HA)

        0,1

        VOLUME DE CALDA (L/HA)
        200-300

        Recomendação
        Para o controle do desenvolvimento vegetativo e maior retenção dos botões florais e de maçãs.

        Tipo de recomendação
        Aplicação sequencial

        nº de aplicações
        4

        dose*
        (L P.C/HA)

        0,05

        VOLUME DE CALDA (L/HA)
        200-300

        Recomendação
        Para o controle do desenvolvimento vegetativo e maior retenção dos botões florais e de maçãs.

        p.c. = produto comercial (1 litro de PIX HC equivale a 250 g i.a. de Cloreto de mepiquate)
        i.a. = ingrediente ativo
        * utilizar a dose conforme o número de aplicação
         

      Composição

      INGREDIENTES ATIVOS
      Cloreto de Mepiquate

      GRUPOS QUÍMICOS
      Amônio Quaternário

      Concentração
      250 g/L

      Formulação
      SL (Concentrado Solúvel)

      Embalagem

      4 x 5 L

      Aplique somente as doses recomendadas. Descarte corretamente as embalagens e restos de produtos. Incluir outros métodos de controle dentro do programa do Manejo Integrado de Pragas (MIP) quando disponíveis e apropriados. Uso exclusivamente agrícola. Registro MAPA: Pix® HC nº 06400.

    TOP
    PROD-AEM