Choose a location

    Brio®: fungicida para as culturas do arroz e trigo

    Brio®: fungicida para as culturas do arroz e trigo

      Deixe a sua lavoura livre de manchas foliares e mais produtiva. O fungicida Brio® contribui para a proteção dos cultivos de arroz e trigo.

      As manchas foliares merecem atenção dos produtores rurais. Na lavoura de arroz, o manejo deve começar pelo tratamento de sementes e uso de fungicida foliar de forma preventiva. O não controle efetivo pode ocasionar perdas drásticas na qualidade e produtividade.

      A mancha amarela aparece como a mancha foliar mais importante do cultivo de trigo. Os sintomas da doença surgem logo após a emergência da planta e são mais recorrentes em lavouras de plantio direto e monocultura.

      Para otimizar o controle das manchas foliares a BASF oferece o fungicida Brio®. O produto é eficiente no manejo de mancha parda na cultura do arroz e de mancha amarela e ferrugem da folha no cultivo de trigo.

      Brio® oferece uma dupla ação sistêmica por meio dos fungicidas Cresoxim-metílico e do Epoxiconazole. Possui excelente efeito curativo nos estágios iniciais da doença. A utilização de Brio® auxiliará no manejo das doenças nas culturas de arroz e trigo, deixando-as em condições de expressar o seu máximo potencial produtivo.

    Download

    Faça o download da bula, ficha de segurança e ficha de informação de segurança do produto para mais informações.

    Brio®
    Benefícios
    Dupla ação sistêmica do Triazol e da Estrobilurina.
    Controle de manchas foliares no arroz e trigo.
    Controle de ferrugem e manchas foliares em trigo.

      Saiba como aumentar a qualidade do seu cultivo com o Brio®:

      Para mais informações sobre a bula, clique aqui.

    Cultivo de arroz

      • cultura da arroz

        Para o manejo eficiente no cultivo do arroz faça as aplicações de maneira preventiva ao aparecimento dos primeiros sintomas das doenças. Quando necessário, repetir o procedimento respeitando o intervalo de 14 dias, não ultrapassando o número máximo de 2 aplicações por ciclo da cultura.

        Tabela de dosagem

        Nome comum e científico da doença
        Mancha-parda (Bipolaris oryzae), Brusone (Pyricularia grisea)

        Dose em L/ha
        0,5 a 1,0

        Volume de calda(L/ha)
        200

    Cultivo de trigo

      • cultura do trigo

        Recomenda-se iniciar o manejo a partir do aparecimento dos primeiros sintomas de mancha amarela e ferrugem da folha na lavoura de trigo. Para otimizar controle utilize adjuvante não iônico, conforme a recomendação do fabricante.

        Tabela de dosagem

        Nome comum e científico da doença
        Mancha-amarela (Drechslera tritici-repentis), Ferrugem-da-folha (Puccinia triticina)

        Dose em L/ha
        0,6 - 0,8

        Volume de calda(L/ha)
        100 a 200

      Composição

      Ingredientes Ativos
      Epoxiconazol e Cresoxim-metílico

      Grupos Químicos
      Triazóis e Estrobilurinas

      Concentração
      125 + 125 g.i.a/L

      Formulação
      SC (Suspensão concentrada)

      Embalagem

      4 x 5 L

      Aplique somente as doses recomendadas. Descarte corretamente as embalagens e restos de produtos. Incluir outros métodos de controle dentro do programa do Manejo Integrado de Pragas (MIP) quando disponíveis e apropriados. Uso exclusivamente agrícola. Restrição temporária no estado do Paraná para o alvo Phakopsora pachyrhizi na soja. Registro MAPA Brio® nº 9009.

    TOP
    PROD-AEM