Choose a location

    Controle de pragas moscas


    Moscas

    As moscas causam prejuízos tanto nas áreas urbanas como rurais. Esses insetos podem transmitir parasitas e doenças como gastroenterites, salmoneloses e verminoses. Nas áreas rurais, as moscas provocam a queda de produtividade dos animais, diminuindo a rentabilidade do pecuarista.

    As moscas são encontradas em praticamente todo o mundo, com exceção das regiões polares. Com uma expectativa de vida de 10 a 60 dias, dependendo da espécie, esses insetos podem voar de 1 a 3 Km em 24 horas.

    As moscas têm uma alimentação bem diversificada. Consomem desde sangue, carne em decomposição, frutas e até excrementos.

    Conhecida como mosca doméstica (Musca Domestica), essa espécie geralmente vive nas residências urbanas e rurais. O inseto é atraído pelo lixo e estercos dos animais, além de substâncias açucaradas e outros tipos de alimentos. A mosca doméstica é responsável por transmitir doenças à população, principalmente gastroenterites.

    A mosca-dos-estábulos (Stomoxys calcitrans) é responsável por causar diversas doenças em animais, como mastite em rebanho leiteiro, vírus da diarreia bovina e anemia infecciosa em equinos. Esses insetos preferem ambientes que contenham feno ou palha misturados com fezes e urina de animais.

    Outra espécie bastante conhecida é a Mosquinha (Drosophilla spp), aquela encontrada sobrevoando frutas maduras ou em decomposição. Essa mosca é considerada a principal praga da fruta, já que danifica os frutos que estão maduros.

    Já a mosca-varejeira (Chrysomya megacephala) é abundante nos locais onde existe lixo exposto, abatedouros, feiras de rua e frigoríficos. Uma fêmea pode botar até 800 ovos durante a sua vida adulta. Essa espécie de mosca pode provocar berne, infecção subcutânea que ocorre em seres humanos e animais.

    TOP
    PROD-AEM